sexta-feira, 20 de março de 2009

Algo realmente engraçado para você

Março de 2009. Moro aqui no Capão da Imbuia, região de alta periculosidade, constantemente invadida pelos manos misturados às torcidas organizadas dos clubes locais de futebol, e também pelas perigosíssimas viaturas das auto-escolas que realizam seus testes de porte de arma para novos motoristas. Realmente, não estou muito confortável, e confesso que tentei ligar para o telefone do POVO várias vezes, e nunca fui atendido.
Mesmo assim, estou otimista. Vejo que os manos das torcidas organizadas estão sendo rigorosamente abordados pela Lei, com aqueles recados ameaçadores e realmente eficazes dos personagens “Los Três Inimigos”, aqueles cartuns que se venderam à um grande jornal local. Realmente, nunca vi uma campanha com tão bons resultados em tão pouco tempo. Desde a última rodada do campeonato, que acabou ontem, até hoje, nenhum ônibus, terminal ou estação-tubo foi depredado. Parabéns à prefeitura e à RPC.
Continuo otimista porque nossa cidade está presenciando um Festival de Teatro de alto nível, com atores globais locais e não locais, com a Risorama, que, junto com uma onda de comédias que invadiu a cidade nos últimos meses, demonstra que o curitibano está revelando que é uma pessoa divertida! Sinceramente, eu não conheço no Brasil, povo mais divertido do que nós, curitibanos. Por isso estou irradiando neste texto essa motivação até constrangedora, pois, também, me descobri uma verdadeira piada. Amanhã mesmo vou contar para todos os meus conhecidos que todo nosso estereótipo europeu miscigenado com japoneses está definitivamente enterrado. A era Jaime Lerner acabou e podemos, a partir de agora agir como verdadeiros seres humanos, e não como os extraterrestres que as outras capitais do Brasil acreditavam que éramos. Convoco você, leitor, a deixar cair essa máscara, a partir de agora, e assumir esse seu palhaço interior. Confira nas próximas linhas, bons motivos para isso.
Morreu o Clodovil. Uma das personalidades mais inteligentes do Brasil, cujas piadas características o elegeram deputado federal, com direito a terno cor-de-rosa. Sua piada ganhou mais graça ainda quando chamou uma petista de “feia”. A parte sem graça da piada foi a reforma do seu gabinete, mas enfim, não dá para agradar a todos, é uma coisa “cárnica”.
Professor Galdino. Um homem que, enquanto eu morava na Mariano Torres, me infernizou com aquela musiqueta do 43021, é expulso com honras do Partido Verde. O site Paraná-Online noticiou que a causa foi o assédio sexual a uma funcionária de 44 anos, em meados de Dezembro. Mas, para tirarmos qualquer conclusão sobre essa piada, devemos ver a foto da funcionária, conforme for, o nobre vereador poderá alegar caridade de Natal. Aqui, de fora da situação, todos nós sabemos que a punição está diretamente ligada à demissão dos funcionários que o PV indicou ao gabinete do Galdino, em situação irregular. De qualquer forma, vamos acompanhar esse caso, para ver qual o nível de graça. Ah! E tem também a acusação de caixa dois na campanha! Aquele rapazinho da bicicleta deve ter ganhado um monte de “verdinhas”, e o próximo passo será quebrar o sigilo bancário do rapaz. A coisa vai ficar preta no Partido Verde (trocadilho horrível, várias piadas usam.)
Acabo de ler no site Jornale, que os policiais civis estão ameaçando uma greve. Isso está parecendo humor negro. Mas mesmo assim, vou continuar otimista, e vou deixar um pequeno exercício de interiorização para você, que, a esta altura, deve estar com a barriga doendo de tanto rir: Imagine os policiais civis em greve, e os militares sem telefone. Imaginou? Então, isso já faz parte de uma estratégia do governo para podermos libertar o nosso palhaço interior. Uma espécie de campanha subliminar. E nada de tristeza hein?

Um comentário:

Jane D'Avila disse...

Meu colega, seus textos estão cada dia mais ácidos e melhores. Adorei.