segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Retrospectiva 2009 - Parte 1.

Começamos um ano animadíssimos com a crise mundial. Mas nada, nada mesmo fez com que o ano no Brasil começasse antes do mês de março.

A novidade no mundo das publicações ficou por conta da 189ª vez que Viviane Araújo, aquela, que é mulher, ou ex-mulher, ou sei lá o quê do Belo, que de belo não tem nada, posou nua, na revista Sexy. Ela nua é mais clichê do que aniversário de supermercados, fazem uns quatro por ano.


Uma visita que já não é tão visita assim é a do Iron Maiden, mas estes aí, por mim podem vir mais de uma vez por ano. Metal para quem gosta de metal, o resto é resto.


E ainda em março, Eliane Tranchesi, da Daslu, foi condenada a 94 anos de prisão. Quem tiver pena leva um cigarrinho para a moça, e um celular.


Em Curitiba, abril começou bem, Almir Sater chegou para fazer o excelente show, com excelente música, e um público... ah, nem tudo é perfeito. Bom, para ver um show de Almir Sater, vale certos sacrifícios. Tocou no Guairão, ingresso caro e teatro velho. Fica a dica pro Almirzão, na próxima vai para o Positivo, e olha que nem ganho nada pelo merchan.


O Grupo Lanteri providenciou, também em abril, uma liteira nova para carregar o Herodes da Paixão de Cristo. Foi sofrido, mas a peça foi sensacional, a exemplo de outras 30 apresentações onde percebemos claramente a mão de Deus. Tinha tudo para dar errado, no final deu tudo certo.


Em maio, o deputado Fernando Ribas Carli Filho assassinou dois jovens dirigindo em alta velocidade em Curitiba. Após um suposto coma, continua livre, e se duvidar, dirigindo por aí. Por isso, quando sair à noite, cuidado com os mitos e lendas, e também com o parlamentar selvagem bêbado das noites curitibanas. E então, lembraram dessa?


E a figura acima, lembram? Pois é, foi no finalzinho de maio que ele começou a chamar a atenção por protagonizar um episódio de recebimento irregular de auxílio moradia. Sabe como é, estava pagando aluguel, sem grana para comprar a casa própria... (essa é especial para você que vota no PMDB, com carinho)

Ufa, essa foi pesada, a primeira parte da retrospectiva termina aqui. Não estou nada bem, na segunda parte vou lembrar de coisas mais leves. Abraços.

Nenhum comentário: